Antes do primeiro ano de idade do pequeno, a fase ‘papinha’ é uma experiência e tanto para os pais e para a criança, pois envolve uma descoberta de sabores diferentes. Depois de um ano, a criança já é capaz de comer comida mesmo, como um pouco de arroz, legumes, mas claro, surgem algumas dúvidas sobre esse assunto. Mas um alerta e dica que deixamos aqui para vocês, o leite materno deve continuar após o primeiro aniversário e se estender até o segundo ou um pouco mais. Mas o leite de vaca também está liberado.

Um dos motivos para as mudanças do pequeno, é o ritmo de crescimento depois de seu primeiro aninho. Agora ele praticamente triplicou o preso, aumentou sua altura em mais de 50% e o normal agora, é continuar a crescer cada, só que vai diminuir esse ritmo rápido demais.

Sabe aquela bochecha bem gorda e gostosa do seu pequeno? Aqueles bebês bem rechonchudos mesmo? Depois de completar um aninho, é normal ele começar a emagrecer, afinal, ele vai andar, correr e crescer. Não é porque ele está comendo pouco não, é apenas a mudança em seu crescimento.

Nessa idade, a criança começa a ser mais independente, consegue pegar alguns alimentos com a mão, vai aprender a usar a colher, mesmo não tendo muita prática com pontaria, consegue segurar seu copinho e assim vai. A mamãe nessa fase, precisa ter um pouco mais de paciência, pois a criança está descobrindo um novo mundo e prepara de total atenção para isso.

Procure reduzir sempre o consumo de alimentos doces ou muito gordurosos, como chocolate, bala, refrigerante, salgadinhos… lembre-se que seu pequeno não conhece esses gostos ainda, então tente atrasar um pouco essa ‘refeição’ e introduza coisas mais saudáveis, como fruta, suco natural, legumes… O paladar dela está se formando agora, então é uma ótima hora para iniciar uma boa educação alimentar.

Leia também  Como a alimentação influencia na fala das crianças

O pequeno pode estranhar no começo essas comidas diferentes, então toda vez que ele provar algo, faça festa, elogie, brinque e use isso como incentivo para que ele continue comendo. E sempre ofereça coisas novas. Uma ideia legal é criar pratos divertidos, fazendo rostinhos felizes com a comida.

Separamos uma tabela de como ser a alimentação da criança, confira

Tabela alimentação

rodape_site