Sabemos, e não é de hoje, que basta se matricular em alguma academia ou iniciar alguma prática de atividade física regularmente que logo em seguida os suplementos alimentares são indicados pra te dar aquela forcinha no ganho de massa muscular e perda de peso. E eles são encontrados nas mais diferentes formas como cápsula, pó, pastilha, líquido, barra e outras mais.
Vamos entender melhor o que são os suplementos alimentares.

O que são suplementos alimentares?

Produto constituído de um ou mais desses ingredientes: vitaminas, minerais, aminoácidos, metabólicos e extratos de ervas. Os suplementos alimentares não são considerados alimentos.

Para que servem?

Como o próprio nome já diz, os suplementos alimentares servem como coadjuvantes para suprir e complementar as necessidades nutricionais que não são alcançadas com a alimentação.

A quem se destina?

São normalmente destinados a pessoas com carências nutricionais e também a atletas e esportistas.

Quais tipos de suplementos alimentares existem e para que servem cada um deles?

Suplementos hidroeletrolíticos: Evitam a desidratação e repõem água, carboidratos e eletrólitos perdidos no suor. 

Suplementos energéticos: Complementam as necessidades energéticas em decorrência de treinamento ou competição. Sua composição é basicamente de carboidratos. São utilizados para dar mais energia na hora do treino ou atividade e devem ser consumidos antes da prática.

Suplementos proteicos: Complementam as necessidades proteicas. São criados a partir do soro do leite (caseína), clara de ovo (albumina), ou isolados de soja. Eles colaboram na formação e crescimento do tecido muscular e devem ser consumidos após a prática.

Suplementos de creatina: A creatina é uma proteína composta por três aminoácidos produzidos nos rins e pâncreas. É também encontrada nas carnes vermelhas e nos peixes.  Seu consumo não deve ultrapassar de 3g por porção ou pode se tornar prejudicial a saúde. O suplemento de creatina serve para ajudar na contração muscular e evitar que o ácido lático (responsável por aquela sensação de queimação e dor nos músculos durante e após a prática de atividade) seja liberado.

Leia também  Pré e pós treino: o que comer?

Suplementos de cafeína: É o principal componente dos termogênicos que servem para dar mais ânimo agindo como estimulante para o sistema nervoso central. A cafeína também é responsável por estimular a lipólise que consiste na quebra das células de gordura, porém a dose diária não deve ultrapassar 420 mg por porção.

Os suplementos ajudam, e muito, no desempenho físico de atletas em competição e de esportistas também. Maaaas, como tudo tem um mas, o uso desses suplementos muitas vezes é indicado por pessoas erradas e usados de formas mais erradas ainda. Precisamos ter mais consciência daquilo que estamos ingerindo, porque nada em excesso faz bem. E se você faz uso de suplementos, é bom sempre ficar de olho no comportamento do seu corpo e fazer exames regularmente para checar se tudo está ok, pois o excesso na ingestão de alguns suplementos pode causar danos ao fígado, rins, pâncreas, intestinos, além de outros desconfortos como taquicardia, flatulência, insônia e outros mais.

Então fiquem espertos, os suplementos alimentares só podem ser prescritos por médicos ou nutricionistas e devem ser feitos de forma individualizada para que os resultados sejam efetivos sem prejudicar a saúde do paciente, atleta ou esportista.

Essa é a minha opinião, qual a sua? Deixe seu comentário aqui pra gente saber ;D

Beijo beijo, e até o próximo post!