Com a correria do dia a dia, o consumo de produtos industrializados tem aumentado bastante na maioria das famílias de países em desenvolvimento, visto a praticidade na aquisição e no preparo destes alimentos.O aumento na frequência de consumo de alimentos processados está associado a um consumo excessivo de açúcar, que por sua vez aumenta a probabilidade do aparecimento de doenças como obesidade e diabetes cada vez mais cedo em nossa população.

De acordo com dados recentes da Organização Mundial de Saúde (OMS) o número de pessoas vivendo com diabetes quase quadruplicou em 34 anos.

No Brasil o número de adultos diagnosticados com diabetes atingiu 7,4% no ano passado, ou seja, quase 1 em cada 10 brasileiros possuem a doença, segundo dados do Vigitel 2015 (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico). E esse índice é ainda maior entre os jovens atingindo 28,5% da população entre 18 e 24 anos de idade.

Uma das explicações para esse consumo excessivo de açúcar seria a dependência causada por este componente que em muitos casos assemelha-se a dependências causadas por tabaco e álcool.

Sendo assim, práticas alimentares saudáveis evitando o consumo de alimentos ricos em açúcar e a prática de atividade física tornam-se essenciais no combate e prevenção de doenças como o diabetes.

Os cuidados com a alimentação devem ser iniciados desde o momento em que vamos realizar a compra dos produtos que serão consumidos por toda família em um supermercado.

É nesse momento que precisamos cada vez mais nos atentar a leitura de rótulos e composição nutricional dos produtos industrializados, neles podemos encontrar “escondidos” diversos nomes para o açúcar que compõe os alimentos processados como: xarope de milho, xarope de glicose, sacarose, glicose, adoçante de milho etc… O açúcar pode inclusive ser encontrado em produtos salgados como molhos e conservas em latas.

Leia também  Tempo seco? Beba água!

Recentemente, a OMS reduziu o valor aceitável para ingestão de açúcar de 10% para 5% de uma dieta de 2000 kcal/dia. Isso equivale a cerca de 20 gramas, ou cinco colheres de chá. Em uma lata de refrigerante, por exemplo, podemos encontrar cerca de 40 gramas de açúcar, o dobro do recomendado.

Passos para identificação do açúcar

Frente a variedade de produtos que encontramos no supermercado seguem algumas dicas para evitarmos o consumo excessivo de açúcares, o que pode muitas vezes ocorrer por desconhecimento sobre as reais quantidades de açúcar presentes em um certo produto.

1º Passo, leia atentamente o rótulo dos alimentos:

Explicação dos rotulos

Clique na imagem para ampliar

Lista de Ingredientes: são apresentadas em ordem crescente, sempre do que esta em maior quantidade para aquele presente em menor quantidade. Como no exemplo abaixo de um achocolatado.

e80e0408-d5ab-41c0-b521-d2032201f1e3

Observem que nesse caso este achocolatado possui maior quantidade de açúcar do que chocolate (cacau) propriamente dito.

Rótulo de Ketchup: molho que apesar de não ser doce possui açúcar em sua composição, conforme embalagem abaixo.

0329779b-ba79-4453-acd5-7e62636e239d

2º Passo, evite o consumo de bebidas adoçadas

As bebidas industrializadas como refrigerantes, sucos de caixinha, suco em pó, chás e até mesmo alguns iogurtes costumam ter grandes quantidades de açúcar em sua composição por isso, o consumo indiscriminado dessas bebidas deve ser evitado. Nesses casos, sempre que possível prefira essas opções nas versões Lights ou Diets, pois mesmo que contenham adoçantes artificiais, estes são menos danosos ao nosso organismo quando comparados ao açúcar refinado.

image5

3º Passo, evite o açúcar de adição

Evite adicionar açúcar em bebidas como chás, cafés e sucos naturais, visto que muitas vezes nos habituamos a adoçá-las sem nem conhecermos ou desfrutarmos do sabor natural desses alimentos. Faça um teste! Reduza a adição de açúcar dessas bebidas gradativamente.

Leia também  Dicas para um café da manhã perfeito!

Quanto mais natural for a sua alimentação, ou seja, mais rica em produtos como frutas, verduras e legumes, com certeza sua ingestão total de açúcar será menor.