Uma das frutas mais baratas, abundante, produzida no nosso território, popular e rica em nutrientes. Vamos falar sobre a banana!

Rica em vitaminas A, B1, B2 e B6 e nos minerais cálcio, potássio, fósforo e magnésio. Além de ter em sua composição o aminoácido triptofano que ativa o hormônio serotonina e temos a sensação de prazer estimulada no nosso cérebro! Bom, né?!

5 tipos populares

Há diversos tipos de banana, vou listar os cinco mais consumidos no Brasil:

Banana nanica: seu nome é característico pela bananeira ser pequena (e não pelo tamanho da banana). É de sabor bem doce e sua consistência pode substituir os ovos em uma preparação (receita de bolo, por exemplo).

Banana da terra: de polpa consistente, pode ser usada em preparações cozidas e grelhadas. Fonte principalmente de vitaminas A e C.

Banana ouro: a menor de todas e a mais doce também.

Banana maçã: pequena, doce e cremosa.

Banana prata: possui pouco sabor doce, fica ótima grelhada.

 

Tipos de banana

Tipos de banana

Para todas as horas!

A banana é uma fruta versátil, pois pode ser usada desde a dieta pastosa, amassada ou liquidificada, até a dieta geral! Não interfere na constipação e nem na diarreia. Usada em preparações infinitas que variam do doce ao salgado. Fornece energia para exercícios físicos, com um média calórica de 70 a 80kcal por fruta. Oferecida desde a primeira infância até a idade mais avançada. Não é preciso utensílios para o seu consumo, basta descascá-la e comê-la!

Sua casca também é aproveitada em receitas como bolos e tortas e caso não queira consumi-la pode ser usada como adubo nas plantas e alimento para as minhocas, deixando a terra mais fértil!

Biomassa de banana verde

A biomassa contém grande quantidade de amido resistente, é uma forma de carboidrato não absorvida pelo nosso intestino, de baixo índice glicêmico, fazendo a digestão e absorção mais lentas, dessa forma, a glicose entra bem lentamente na nossa corrente sanguínea, mantendo os níveis da glicemia constantes e controlados. Por isso, muito indicado seu uso para diabéticos.

Leia também  Receita: bolo de aveia, maçã e banana

Também pode ser usada para substituir alguns ingredientes, dependendo da preparação, como o creme de leite, leite condensado, maionese, e a própria farinha de trigo, dessa forma torna-se uma opção de ingrediente para quem tem intolerância à lactose, alergia a proteína do leite e até mesmo ao glúten.

Rica em vitamina A, vitaminas no complexo B, potássio, manganês e fósforo. Serve de alimento para as bactérias intestinais benéficas, contribuindo para o equilíbrio da microbiota. Atuando no sistema imunológico, diminuição do risco de câncer intestinal e proporciona saciedade.

Veja como se prepara!

Ingredientes:

– 6 bananas verdes

– Água

Modo de preparo:

Colocar as bananas com casca na panela de pressão cobertas totalmente pela água. Depois de pegar pressão, contar oito minutos e desligar o fogo. Deixe a pressão sair naturalmente, assim as bananas continuarão o processo de cocção por pelo menos mais 10 a 15 minutos. Retirar as cascas e bater as bananas no processador ou liquidificador até virar uma massa homogênea.

Na geladeira tem validade de três a quatro dias. No freezer até três meses, ao descongelar, bater novamente para recuperar a consistência.

E está pronto! Na internet encontramos diversas receitas e modos de uso, escolha a sua preferida!

Biomassa de banana verde

Biomassa de banana verde

Triptofano

A banana possui esse aminoácido em abundância, e o seu poder de satisfazer aquela vontade louca de comer doces pode ser resolvida com a receita abaixo:

Ingredientes:

– 2 bananas

– 1 colher de sobremesa de canela

– 1 colher de sobremesa de aveia em flocos finos

– 1 colher de sobremesa de mel

– 2 nozes, 1 castanha do Pára levemente trituradas

Corte as bananas como preferir (rodelas, tiras ou amassadas), aqueça no microondas por 40 segundos (ou por ser fria também) e salpique por cima o restante dos ingredientes.

Leia também  Vegetais crucíferos, já ouviu falar?

Essa receita pode ser usada como sobremesa ou comer no lanche da tarde quando bate aquela vontade de comer uma besteirinha… Experimente!

Se você tem alguma dúvida ou experiência sobre o uso da biomassa da banana verde, deixe nos comentários!

Beijos =**